quarta-feira, 31 de dezembro de 2014

Retrospectiva do turfe pernambucano - Parte II

JCPE
Retrospectiva do turfe pernambucano - parte II
Julho
- Na programação do dia 06 de julho, é disputado mais uma edição do clássico Viva Saúde, e Salgueiro com muita saúde foi lá e fez valer mais uma vez a força da farda azul estrelas brancas.  Stockholder, com M.Oliveira formou a dupla com Camp Nou em terceiro. Aventurado Given, do stud R&R ficou de fora dos 1.800 metros que foi percorrido por Salgueiro na marca de 118.4s.
No 1º páreo, o aprendiz D.Rodrigues comemorou a primeira vitória no turfe pernambucano ao levar A Big Winner (Stud Amanda & Luana Moleca) a foto da vitória. Bye Bey Baby formou a dupla com Satellit Signal, favorito chegou na última colocação.

- No 2º páreo, o potro Dapê do Depuguá fez uma ótima corrida e venceu com muita autoridade o prêmio Jocross/Viva Saúde, cravando o tempo de 62.8s para os 1000 metros. Just One, que corria muito no final formou a dupla.

- Robinson Crusoé, não deu mole e confirmou o favoritismo no 3º páreo, vencendo de poste a poste sob o comando de L.Henrique. Fofo Corredor, que lutou todo o percurso com o favorito, no final ainda perdeu a formação da dupla para Royal Pacific.

- No 4º páreo 1.700 metros, Intuition, castanho do Stud Asa Branca, Emplacou um poste a poste depois de uma acirrada briga com Energia experiente que cansou no final e teve que se contentar com a segunda colocação. Nohar completou a trifeta.

- No páreo de encerramento reservado para animais da raça pônei. Maçã, com Kleiton Lucas amparou o ataque fulminante de Pandora, que vinha voando baixo por fora, mas ficou na formação da dupla. Milk ficou em terceiro e Styllus na quanta colocação.

- Dia 27 de julho. O cavalo Camp Nou (Amigoni e Cache Cache), de propriedade do Stud 13, treinado por Marcio Lira Maciel, foi o vencedor do XVII Clássico Roberto Sá, principal páreo da programação do domingo no turfe pernambucano. O jóquei A. Mesquita esteve impecável na condução do vencedor  que marcou 122s6 nos 1.900 metros.

- O Srud Silver Blue Star retoma as atividades e estréia o animal Grand Central no clássico Roberto Sá.

- No total foram disputados oito páreos sendo o último para animais da raça pônei que homenageou a primeira dama do teatro pernambucano Geninha da Rosa Borges.  Miucha, com Wilkler Xavier venceu os 300 metros da prova.

- no 2º páreo o prêmio Beto Accioly em 1.700 metros. A dupla Aero-Bomb (stud L&M) e Lucky Star (Stud Cortez) proporcionaram o rateio milionário da reunião. A dupla 15, pagou R$. 126.40, para cada real apostado.

- Comissão de corrida libera matricula provisória para o jóquei redeador L.Soares.

- O jóquei pernambucano Fábio Silva recebeu convite para voltar a montar os animais do Stud São José dos Bastiões.

Agosto

- Devido a comemoração do dia dos pais no dia 10 de agosto, a comissão de corrida junto a com a direção do Jockey Club de Pernambuco  e membros da Prefeitura do Recife, decidiram transferir a data do grande Prêmio Prefeitura do Recife, do dia 10 de agosto (domingo), para o dia 09 de agosto (Sábado).

- No dia 09 de agosto, a programação é dedicada aos vencedores das estatísticas, e é disputado o grande prêmio prefeitura do Recife.
L. Soares estréia na Madalena e vence o primeiro páreo com Frenético,  do Stud Cortez

- O Stud DW, Dr. Djalma Wandeley e Djalma Almir Wanderley Neto, adquirem o castanho Icosaedro e reaparece depois de longo período de inatividade.   

- Desacreditado El Macareno vence o grande prêmio Prefeitura do Recife e brilha a estrela do estreante L.Soares.

- Numa tarde de tempo nublado e de bom público nas arquibancadas, o castanho El Macareno, filho de Nedawi e Zara Tonga, de propriedade do Stud Entre Amigos e treinado pelo jovem J. R. Cifuentes venceu com autoridade o GP Prefeitura de Recife, principal páreo deste sábado, dia 9 de agosto, no turfe pernambucano.

- Nos 1.800 metros do 4º páreo, o estreante Vantaggio (Stud Remar) saiu-se bem sob a condução do aprendiz A. M. Marinho e venceu com muita raça a prova em homenagem aos seus proprietários, campeões da última estatística. Doctor Stock, com o também aprendiz E. Lima formou a dupla.

-  Destaque para o Stud Amanda & Luana Moleca, que venceu o 2º e o 3º páreo, respectivamente, com A Big Winner e Royal Pacific, ambos montados pelo aprendiz D. Rodrigues, numa programação em que os aprendizes ditaram o ritmo.

- Na prova reservada a animais da raça pônei, vitória da alazã Maçã, com Luiz Henrique, que soube tirar proveito do prejuízo causado pela queda da joqueta mirim Erika Patrícia, que nada sofreu.

- No dia 24 de agosto é deputada a 1º prova da tríplice coroa pernambucana. Prova Especial Mossoró.

- Clever Missi, do Stud R&R não da chance aos adversários e impõe uma amarga derrota aos seus rivais nos 1.100 metros. Frenético formou a dupla, Dapê do Depiguá chegou em terceiro e Dr.Marcação na última posição. L.Soares conduziu a vencedora que cravou 68.8s para a distância.

- No 1º páreo, o alazão Bacun, estreante do do Stud Sampaio não teve muita dificuldade para derrotar Vulcano Danz que formou a dupla. O outro estreante Artistic Qualit ponteou quase todo o percurso, mas já nos 600 finais começou a esmorecer e chegou na última colocação.

- No tão esperado reencontro entre Fofo Corredor e Robinson Crusé no 2º páreo, o defensor do Stud São Nicolau Robinson Cruzoé foi superior e garantiu mais um pontinho nas estatísticas para o aprendiz L.Henrique, líder isolado na categoria de jóqueis, e para o treinador M.Ferreira. Fofo Corredor formou a dupla e Just Alone garantiu a trifeta.

-  Outra carreira muito disputada foi o 3º páreo a Chamada Especial Farfante. A Big Winner, Stud Amanda & Luana Moleca derrotou Felix Leo (Stud Cabeça Branca) em final de muito rigor. O jóquei J.Júlio (Felix Leo) reclamou de prejuízo sofrido na altura dos 300 metros finais, mas a comissão de corrida após analisar o filme da corrida optou pela confirmação do páreo.  Buratino Royal chegou na terceira colocação.

- Deu o troco. Energia Experiente (Stud Cabeça Branca) conquistou a primeira vitória na raia pernambucana ao derrotar em final de muito rigor  o cavalo de ferro Royal Pacific, do Stud Amanda & Luana Moleca. Uluru (Stud Remar) chegou em terceiros. Enegia Experiente cravou 96.8s para os 1.500 metros da Chamada Especial Balthazar. Animal do Stud Macasi, tríplice coroado no ano de 1985.

- Depois da vinda do jóquei cortejador L. Soares para turfe pernambucano, mais um cortejador veio tentar a sorte no turfe nordestino. Radicado no turfe paulista, Antonio Cesar Almeida Silva, 21 anos, natural de Garanhuns, agreste pernambucano, recebeu matricula provisória para exercer a profissão na Madalena. No programa o nome usado é A.C.Almeida.

- Depois de 15 anos de existência, o Stud 13 finalmente conseguiu a façanha de tirar uma foto com um animal tordilho. Great Event venceu de poste a poste o 6º páreo com a ótima condução do estreante A.C.Almeida, que mostrou esta muito nervoso momentos antes da estréia.

- São alojados em cocheiras do Hipódromo da Madalena os animais da geração 2012 do Haras Depiguá.

- Dos quatro potros recém-chegados, três são filhos de Recompensado e um de Mindight Prince. Os filhos de Recompensado são: Eh Uchôa (Recompensado e Caá Cati), do Stud C.M.L.-Recife, é o primeiro filho de Recompensado nascido no Haras Depiguá. Está aos cuidados do treinador R. Gomes, também responsável pelo treinamento de Eh Bomdemais, o filho de Midinght Prince (na égua Angelica Hunter), de propriedade do criador.

- Na cocheira do treinador Alexandre Magno Bezerra está o potro Eh Ocara (Recompensado e Friend For Ever), do Stud Cortez-PE.

- Eh Maravilha (Recompensado e Dabbene) e Eleakim (Recompensado e Anabbele), ambos da Coudelaria FBL, estão alojados nas cocheiras do Haras Bongy, com o treinador W. F. Nascimento. Os potros Eh Uchôa e Eh Bomdemais já foram iniciados nos trabalhos de doma no paddock.

- Nasce em Feira Nova o primeiro produto do stud Remar, o  mais novo centro de criação de PSI do nordeste.

Setembro

- No dia 05 de setembro é realizado a 5ª corrida da temporada. Cinco páreos são realizados com o destaque para a inscrição de Stockholder que reaparece depois de vários fracassos.

- Depois de vários fracassos no areão pernambucano, o alazão Stockholder voltou a vencer resgatando toda a confiança dos turfistas que não mais acreditavam em sua recuperação.

- O treinador M.Ferreira acreditava que o filho de Dancer Man faria uma boa corrida e poderia até ganhar o páreo. E foi o que aconteceu, Stockholder, para mim era como um vulcão adormecido que a qualquer hora poderia acordar e foi o que aconteceu, mas ele ainda não esta cem por cento do que queremos disse o treinador.

No páreo de abertura, Jeux D’Amour confirmou o seu favoritismo e derrotou Concept nos metros finais após uma acirrada disputa nos metros finais.

-  No 2º segundo páreo, Validitá não teve dificuldade para voltar à foto da vitória. A filha de Yagli (USA), se apresentou bem melhor em relação às últimas corridas.

-No 3º páreo, Lampião do Birigui precisou de 95.8s, para derrotar em final de muito rigor Uluru, e Aero-Bomb, que formou a trifeta.

- No páreo reservado para animais da raça pônei, Miucha e Maçã foram as vencedoras. Após uma acirrada disputa da partida a chagada com Miucha vencendo com a diferença de meio corpo para Maçã.

- Mesmo com cinco páreos de PSI com quatro animais em cada páreo, e um páreo para animais da raça pônei, o publico presente surpreendeu lotando grande parte das arquibancadas.

- Dia 28 de setembro é disputada a 2ª prova da triplice Coroa Pernambucana.

- Favorita absoluta na segunda prova da tríplice coroa pernambucana, a égua Clever Miss, uma  fêmea castanha 3 anos, filha de Hard Buck e Sushi. Criação do Haras Santa Luzia da Água Branca. Propriedade do Stud R&R. Treinamento de  Alexandre Magno Bezerra, deu mais um passo rumo ao titula da tríplice coroa 2014 do turfe pernambucano. O páreo foi reduzido a três animais devido o forfait do animal Frenético do Stud Cortez-PE. 

- Aristocrata,  Stud Cariri do Recife estréia com vitória no 3º páreo 1000 metros, derrotando Normandia Xis. J.Júlio conduziu o vencedor que cravou 60.1 para a distância. Viril com a condução de L.Henrique também estreoi com vitória no 1º páreo também na distância de 1000 metros.
Pela primeira vez, o turfe pernambucano leva uma grande comitiva para disputar uma programação no Derby Club Sobralense. A caravana pernambucana parte com 18 animais para programação festiva do grande prêmio Oman Carneiro.

- De Pernambuco, a égua Flyness do Haras Pernambuco e Salgueiro, Stud Pedrosa foram os mais bem colocados na programação do derby Sobralense. Flyness venceu e Salgueiro formou a dupla no principal páreo da programação.

- Conhecido nos programas do Jockey club Brasileiro, o jóquei Jefferson Teles da Silva Santos, 18 anos, ex-aluno da escola de formação de jóqueis do turfe carioca, é uma das atrações da programação do turfe pernambucano.  Alagoano de Paulo Afonso, ele é sobrinho do jóquei Juvenal Machado da Silva, um dos melhores jóqueis  que atuou no turfe brasileiro.

Outubro.

- Destaque para XIII edição do Grande Prêmio Manoel Medeiros.

- Dia 19 de outubro, o turfe pernambucano viveu mais um dia de emoção com a disputa do XIII GP Manoel Medeiros. A programação, com alguns percalços, começou pela manhã e finalizando às 17h20min, com a Prova Especial Ana Conceição de Aguiar Valença, reservada a animais da raça pônei. O principal páreo da programação GP Manoel Medeiros, foi vencido pelo alazão Vuole Soldi, com impecável condução do jóquei M. Oliveira.
Com 100% de aproveitamento, Aristocrata, com F. Benone, que também é seu  treinador, deu um passeio nos 1.100 metros do Clássico Zélia Dias Medeiros, 7º páreo, assinalando 66s4 e arranhando o recorde, que é de 66s3, registrado em 2003 por I Love Dancer. Frajola formou a dupla.

- Com 100% de aproveitamento, F. Benone também venceu com Lampião de Birigui, derrotando Vantaggio em final bastante disputado.

- Com muito sacrifício, Beirut venceu o páreo de abertura, derrotando Donna do Gravatá em final de rigor.

- No 2º páreo, 2ª prova da Tríplice Coroa pernambucana, com a deserção da égua Clever Miss, que já havia vencido as duas primeiras provas, o páreo ficou reduzido a dois competidores. Dr. Marcação e Velha republica, que venceu o páreo mais fácil da programação já que na reta de chegada Dr. Marcação cravou e terminou a prova a passo.

- Great Event, pilotado por A. C. Almeida, reapareceu com vitória, em final dramático, sobre Nohar, que entrou a reta final com pinta de vencedor.

- O Haras Bongy estréia a égua Sirigaita, uma irmã inteira de Frajola.

- No 4º páreo da manhã, Prêmio Ernani Pires Ferreira, Freedom Forever deu um passeio na raia sob a direção de Z. M. Rosa. Robinson Cruzoé formou a dupla, com Fofo Corredor em terceiro.

- Valoroso não foi apresentado no 5º páreo, o que facilitou a vida de Just Alone, que só precisou ganhar de Missil, pois Artistic Quality ficou praticamente parado no boxe, largando com muito atraso.

- No 6º páreo, o cavalo Dutch Harbor, que vinha ponteando a corrida desde a largada, na entrada da reta de chegada, alertado no lado direito pelo jóquei F. E. Souza atirou-se para dentro e chocou-se contra a cerca e caindo no pião do hipódromo.  Após avaliação médica, o jóquei F. J. Souza, que teve muita habilidade para evitar acidente mais grave, montou no páreo seguinte e levou o estreante Kaepernick a uma sensacional vitória após emocionante disputa com a também estreante Sirigaita.

- Na prova Ana Conceição de Aguiar Valença, reservada para animais da raça pônei, também não faltou emoção: uma chegada de arrepiar entre Comanche (Wilkler Xavier) e Único (Luiz Henrique). O jóquei Diego Soares, de John Kiles, caiu na partida.

- Três reforços vindos do turfe paulistano chegaram a Madalena. Chegaram os animais Ballian, para o Stud São José dos Bastiões, Dancer New Man, para o Stud Cortez-PE e Orvalho, para o Haras Pernambuco.

- Os animais Quebonitoé, e mais um potro que viriam para o stud São José dos Bastiões ficaram para vir em outra viagem. Segundo informou o treinador C.A.Nascimento, que foi exclusivamente para acompanhar os animais do Stud São José dos Bastiões, Quebonitoé não embarcou por problemas de saúde, e o potro a documentação não estava em dia. Os animais desembarcaram no Jockey Club de Pernambuco às 12h30min.

Novembro.

- Com uma programação de seis páreos, é realizada no domingo 09 de novembro, a última programação que antecede o festival do grande prêmio Edisio Pereira. A programação é em homenagem a ex-jóqueis que já atuaram no turfe pernambucano.

- Intuition, o castanho do Stud Asa Branca venceu de bandeira a bandeira a chamada especial, Reginaldo Sobral, principal páreo da programação que serviu de preparatória para o grande prêmio Edisio Pereira 2014. Montado pelo jóquei, A.C.Almeida , que também garantiu uma vaga para disputar o Edisio, Intuitio fez um percurso impecável deixando o estreante Ballian na formação da dupla.

- No pareo de abertura da programação que levou um grande publico ao jockey, vitória fácil de Viril com Anderson Paiva, que veio de férias para o Recife.

- Anderson Paiva é convidado para montar Silent Blue no GP. Edisio Pereira 2014

- Trick Indy, do Stud 3 Irmãos faturou o 2º páreo com a condução de W.Gomes.

- Comandante Fahin foi outro que desencabulou e foi para foto da vitória do 3º páreo, fazendo a festa dos titulares do Stud C.M.L-Recife.

- No 4º páreo 1.500 metro, Chamada Especial Vicente Marinho, Missil, deu o ar da graça e a turma do Stud Bloco Os Legais, invadiram a raia dando inicio comemoração que foi até o final da programação. Royal Pacific, o cavalo de ferro, rei do placê,  como é conhecido na Madalena, mais uma vez formou a dupla, com o maior rateio da programação pagando R$.40.40, para cada real apostado.

- No 5º páreo,  Normandia Xis, pagando pule de vencedor de R$.6.30 para cada real apostado. A dupla com Aertenus Fulgor pagou R$. 12.60.

- Com  uma chegada de tirar o fôlego entre os animais da raça pônei, Único, montado por Antony Cardoso e John Kiles montado por João Victor (Don Babito) uma grade promessa do turfe pernambucano. A corrida foi decidida no fotochar, com um empate entre os dois. Zorro chegou em terceiro e Lucatone na última colocação.

- Titulares do Stud Remar anunciam que Tank Boy não vai mais correr na Madalena e vai
para reprodução. Uma fratura no sesamoideo  encerra a campanha do filho de Wild Event, que é levado para sede da fazenda Remar no município de Feira Nova.

- Uma grande noticia para a criação pernambucana. A parceria do Haras Depiguá e Haras Basano agitam os bastidores do turfe pernambucano.

- Turfe brasileiro de luto. Morre o jóquei Dauto Duarte.

- É formada uma grande programação para o festival do XXIV Grande Prêmio Edisio Pereira.
O titular do stud São José dos Bastiões, Paulo Paiva convida o prata da casa W.Gomes para conduzir Ballian no GP. Edisio Pereira

- Forte cólica mata o cavalo Freedom Forever.

- Le Bar, que reapareceu nos 1.700 metros do prêmio Flávio Barbosa fracassou e teve sua lesão agravada. Semana depois o mesmo teve a campanha encerrada sendo levado para cobrir éguas quarto de Milha na cidade de Gravatá.

- Com a perfeita condução do jóquei Z.M.Rosa, o castanho Que Espetáculo, um filho de Northen Afleet (USA) e Clausen Export (USA). Propriedade do Stud Sampaio e Ribeirão, venceu com muita classe o clássico Severino Ferreira Maia/ Carlos Frederico Ferreira Maia (Neno Maia).  Bolgheri formou a dupla com Olympic Leader na trifeta.

- com uma forte lesão no tendão, El Macareno fecha raia e fica fora do Bentão 2014.

- First Point fez a festa dos turfistas de Sobral. Dr. Guarany Mont A’veni, o embaixador do turfe nordestino comandou com muita alegria a foto da vitória do filho de First American, que teve a condução de J.Júlio e foi apresentado na pista pelo treinador J.R.Cifuentes.


- mais um animal morre de cólica na vila hípica. Salgueiro do stud pedrosa não resistiu ao mal e morreu no domingo 30/12.

- Na prova Especial, Ricardo Pereira, destinada a animais da raça pônei, a vitória foi de Maverick, com a condução de Juan Pablo. Único, com Antony Cardoso formou a dupla.

- Com o total apoio dos turfistas do Rio Grande do sul, e a dedicação exclusiva do titular do Haras Pernambuco, Fábio Câmara,  Pela primeira vez as corridas são transmitidas ao vivo através do site do Jockey Club de Pernambuco o  www.jcpe.com.br.
Nos 1.200 metros do Clássico Carlos Martins de Medeiros, Aristocrata e Frajola fizeram reta final empolgante. Aristocrata venceu por diferença mínima cravando 74s nos 1.200 metros. Andromeda Lover, que corria muito no final, formou a Trifeta. 

 - De bandeira a bandeira. Ballian vence e bate o recorde no XXIV Grande Prêmio Edisio Pereira, na firme tocada do jóquei prata da casa Wesley Gomes, que começou a chorar logo após cruzar o disco vitorioso.

- O treinador M. Ferreira, responsável por Ballian, em tarde de muita inspiração, ganhou também com Dapê do Depiguá (1º páreo) e Rad (3º páreo). No dia anterior, M. Ferreira já havia vencido com o castanho Uno Prospector, que igualou o recorde dos 1.200 metros.

- O jóquei W.Gomes é mais jovem piloto a conquistar o grande prêmio Edisio Pereira.

- O Stud Silver Blue Star perde mais um animal. Dessa vez foi Grand Central, que caiu nos 500 metros finais, na disputa do grande prêmio Edisio Pereira.

- Um grupo de bandidos entra no Jockey e leva toda a renda do grande prêmio Edisio Pereira. Alguns proprietários abdicam de receber os seus prêmios e ajudam o JCPE a se recupera do prejuízo que passou dos R$. 60.000.00

Dezembro.
- Turfe pernambucano de luto: Morre o Ex-presidente Ricardo Godoy. Ricardo foi presidente do JCPE na década de 90. Ocupou os cargos de presidente nos anos de 1991, 1992, 1995 e 1996. Titular do Stud Spumão, Ricardo venceu duas Edições do grande prêmio Bento Magalhães.  Venceu com Maorgan Way em 1989, e com Milwaukee em 1995. Ricardo deixa esposa, Dra. Silvia Godoy, e três filhos. Thiago Godoy, presidente da comissão de corrida, Matheus e Caio. A direção do Jockey Club de Pernambuco decretou luto oficial por três dias.

- Depois de passar um mês sem atividade devido os preparativos para o , o turfe pernambucano se prepara para mais uma grande festa, o grande prêmio Bento Magalhães, a maior festa do turfe nordestino.

- O Stud Rafael A.Salomão, adquiriu do Stud São José dos Bastiões, o animal Gilcrease.

- M.L.Maciel passa a treinar os animais do stud 3 irmãos

- Nos bastidores do turfe pernambucano não se falava de outra coisa a não ser a vinda do melhor jóquei do mundo o brasileiro Jorge Ricardo, que por motivos de contrato no turfe Argentino só pode atuar na programação do domingo dia 21/12.

 - Z.M.Rosa, F.Henrique, J.T.Silva, J.Ricardo, B.Reis, A.Queiroz e Alan Maciel e o treinador D.Guignoni foram os ilustres convidados que atuaram diretamente no festival do Bentão 2014. Os jóqueis V.Gil e V.Borges não vieram por motivo de contratos firmados no turfe carioca. C.G.Neto, seria o jóquei de El Macareno e A.Mesquita, montaria os animais do Stud 13 que não participou da programação. Apenas o animal Robinson Cruzoé,  correu com a farda do Stud 13.

- O ex-joquei Juvenal Machado da Silva, também foi um dos destaques na festa do Bentão 2014.

- Attaque, com F.Henrique vence o Clássico Claudio Santa Cruz, deixando Top Falcon na formação da dupla. F.Henrique ta,bem venceu com Gigante, o 2º páreo do sábado.

- No 1º páreo, Bordelo, com F.E.Souza tirou muito proveito da briga entre Felix Léo e Orvalho, que resultou na desclassificação do primeiro. Bordelo arrancou por fora e garantiu a fatura para o stud Mauricio & Irmãos Benevides.

- No 2º páreo, o favorito absoluto Uluru chegou na última colocação chegando a parar nos metros finais. Gigante, com F.Henrique fez a festa dos titulares do Stud Kamaro,  do turfe cearense.

- Bolgheri (Z.M.Rosa) e Kaepernick (F.E.Souza) disputam palmo a palmo a Chamada Especial José Maria Sampaio. Os dois jóqueis reclamaram possíveis prejuízos de um a o outro, mas a comissão de corrida decidiu confirmar o páreo pela ordem de chegada dando a Bolgheri a vitória nos 1.800 metros, que foi muito comemorada pelo titular do stud Sampaio. Fernando Sampaio.

- Diego Soares, Guigui, leva o pônei Sobral, a uma linda vitória na carreira de encerramento da programação do sábado. Mourão, com Dayvid Silva formou a dupla.

- No domingo a festa começa com a vitória de Manaira, favorita absoluta nas apostas.  De propriedade do Stud Remar, Manaira teve a condução do Aprendiz L.Henrique.

- O Grande Prêmio Bento Magalhães, prova reservada para produtos de 3 anos e mais idade é disputada as 17h15min, 18h15min, horário de Brasília. Nove animais foram alinhados na seta dos 2.400 metros.

- A comissão de corrida optou por não usar o Box que foi doado pelo Jockey club de São Paulo, e a largada do Bentão foi dada com muita segurança pelo antigo partidor.

- É de Montardon o 46º Grande Prêmio Bento Magalhães. Montardon é um filho de Northern Afleet e Fit To Fly por Ghadeer, de criação do Haras Santa Maria de Araras e de propriedade do Stud São José dos Bastiões e Ribeirão. Ele chegou a sua décima vitória em 23 apresentações, sendo essa a sua primeira apresentação / vitória em Madalena. Preparado por D.Guignoni e conduzido por B.Reis, Montardon registrou o tempo de 2m37s80 para os 2.400 metros, quebrando o recorde da pista. 

J.Ricardo. O melhor do mundo da um show de montaria e encanta os turfistas pernambucanos.

- O melhor jóquei do mundo, o brasileiro Jorge Ricardo, a maior atração do festival do 46º Grande Prêmio Bento Magalhães deu um verdadeiro show na pista da Madalena, e encantou o publico com sua simpatia. Desde a sua chegada ao hipódromo às 13h30min, Ricardo foi bastante assediado pelos turfistas e aplaudido pelo publico assim que pisou no padock. No cânter da primeira prova que participou, Ricardo foi mais uma vez aplaudido de pé pelos milhares de turfistas e admiradores que lotaram as arquibancadas para assistir o show do melhor do mundo que levou para o disco quatro animais dos cinco que montou.

- Ricardo venceu o segundo páreo com Robinson Cruzoé, o terceiro com Albore, o quarto páreo, grande prêmio Pedro Allain Teixeira com Briliante King e o quinto páreo, o grande prêmio Romeu Medeiros com Uno Prospector.

- Bastante assediado pelos seus fãs, Ricardo fez questão de atender a todos que queria tirar fotos e a imprensa que o acompanhou desde a sua chegada no hipódromo. Não tenho palavras para agradecer o carinho do povo do Recife. Nem na Argentina eu fui tão assediado

- Titulares do Stud Entre Amigos decidem encerra a campanha de El Macareno, e o mesmo será aproveitado na reprodução.

- Comissão de corrida cancela a matricula do Jóquei Z.M.Rosa, que fica proibido de montar no hipódromo da Madalena.

- O titular do Stud São José dos Bastiões, Paulo Paiva termina seu mandato de presidente do JCPE com chave de ouro realizando o sonho de milhares de turfistas pernambucanos que era ver J.Ricardo montando na pista pernambucana. Rinaldo do Rego Barros, um dos titulares do Stud R&R, é leito para dirigir o turfe pernambucano a partir do dia 01 de janeiro de 2015.