quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

TURFE BRASILEIRO: É POSSIVÉL RENOVAR!

Não resta dúvidas que o turfe é um dos esportes mais gratificantes que podemos ter. Porém nos últimos anos, os canais de comunicações e o público, principalmente adulto, têm trocado esse lazer por outras opções que são muitas nos dias atuais: Shoppings, viagens, festas cinema e outros esportes talvez menos prazerosos que o turfe, mas que estão tomando o espaço que era dedicado aos hipódromos, principalmente nas mídias impresas  (Jornais e Revistas) que destinavam grandes espaços aos hipódromos em todo o Brasil. Em relação a mídia, o problema é ainda bem maior, porque sem público nas arquibancadas o turfe se torna frio, voltado apenas para o interesse dos jogadores inveterados que pouco estão se lixando para as emoções e disputas eletrizantes, o interesse fica restrito apenas nos resultados, se vai receber ou pagar suas apostas. Daí, a imprensa perde o estímulo de divulgar, ficando o espaço restrito apenas nos grandes eventos realizados por cada hipódromo.
É importante pensar na valorização dos profissionais, jóqueis, treinadores e cavalariços; procurar mostrar o seu trabalho, ganhos e conquistas; seu convívio familiar e o talento de cada um também é uma forma de atrair a curiosidade das pessoas que não conhecem esse esporte vibrante e cheio de emoções, mas que precisa urgentemente abrir espaço para novos turfistas, e quem sabe até despertar o interesse de novos profissionais de outras áreas que trabalham diretamente com o turfe a exemplo de jornalistas, radialistas, pessoas da área de saúde, jurídica, publicidade etc. Na década de 80 era possível ver jóqueis fazendo comerciais em TV. O último deles foi Albenzio Barroso, que era protagonista de uma peça publicitária que falava de uma bebida que ficou marcada pelo “Ganha com esse Barroso”. Hoje um jóquei que atua no Brasil, por melhor que seja passa despercebido em qualquer local público, principalmente se for fora do seu estado de origem, o que não acontece com atletas de outros esportes que facilmente são reconhecidos.

As gemeas Izabele e Izadora com
o pai Cristiano  em tarde de diversão
 no Jockey
O Jockey Club de Pernambuco tem a consciência de que a cada dia tem feito o melhor para oferecer tardes de domingos gratificantes ao público que se faz presente. Com a ausência do público tanto adulto como infantil nos principais hipódromos do país, o que mais tem nos chamado a atenção, é o público mirim que a cada dia está se fazendo presente no Jockey da Madalena, principalmente quando acontecem corridas de pôneis. São as crianças que estão tirando seus pais de outras atividades para comparecerem ao Jockey nas tardes de domingos prestigiando e fazendo a festa na Madalena. Assim faz as gêmeas Izabele e Izadora e A pequena Maria Victoria que sempre que tem corrida de pôneis fazem questão de acompanharem seus pais, aproveitando a tarde para se divertirem, passearem nos pôneis e assistindo as corridas.
As corridas de pôneis veem contribuindo e motivando a criançada, é essa presença crescente que pode ajudar e muito na renovação, garantindo assim o futuro do turfe no Brasil. Se depender das corridas de pôneis e do projeto Jóqueis do Futuro, a presença da criançada vai continuar crescendo, pois estamos sempre trabalhando com muito empenho e prazer em prol do turfe pernambucano, e que essa a ideia seja lançada também para os principais hipódromos do Brasil. O turfe brasileiro precisa urgente de renovação e de público vibrando intensamente com as emoções que só o turfe proporciona.
Maria Victoria, 5 anos, acompanhada do pai
 Marcelo, nos da esperança de
renovação.
 

                                                                                        

domingo, 16 de dezembro de 2012

VOLTANDO A SUA MELHOR FORMA, TAMOVITCH VENCE O GRANDE PRÊMIO JOCKEY CLUB DE PERENAMBUCO.

Com uma corrida impecável do jóquei F.H.Costa, o alazão Tatamovitch se reabilitou dos seus últimos insucessos e voltou a dar as cartas na pista da madalena ao levantar com muita raça o grande prêmio Jockey Club de Pernambuco. Na primeira passagem do espelho com Idoneo puxando o trem de corrida, Tatamovitch passou em segundo, mas logo foi ultrapassado por Quicstep, e Tank Boy, depois Tatamovicht, Morcote e Charmant. Na reta oposta Idoneo saiu aumentando a vantagem enquanto Quickstep, Tank Boy se alternavam na segunda colocação. Já na entrada da reta final, Tnak Boy por fora e Quicstep e Charmant dominam o ponteiro, mas não contava com a forte investida de Tatamovicht pelo centro da pista que dominou e saiu tirando vários corpos para os demais. Nos 200 finais, Charmat da a última investida,mas Tatamovicht tinha reservas suficiente para amparar o desesperado ataque de Charmant e Tank Boy que ficou com o terceiro lugar. Na foto da vitória, marcos Lira o titular do Stud 3 Irmãos,  não escondia sua alegria em ver o filho de Visio And Verse voltando ao seu melhor condicionamento físico quando venceu as principais provas de destaque em 2011.
Voltando a sua melhor forma: Tatamovicht vence o
Grande Prêmio Jockey club de Pernambuco
 No 1º páreo, a égua Magistra superou o favorito Burilado que finalizou em terceiros, No 2º páreo, o resultado foi decidido no fotchart entre Oreco e Connoball. Vitória de Oreco com a boa tocada de M.Silva. Coma a previsão de embarque para Cidade Jardim na próxima semana, Gambetero venceu o 3º páreo com Investiment Grade na formação da dupla. No 4º páreo Decreto que retornou as atividades não teve dificuldade para derrotar Zamula, Galactic Hiro e Olympic Man. Já em clima de despedida para a capital cearense, Balfour venceu com muita classe o 5º páreo deixando Shark Boy também do turfe cearense na formação da dupla. No 6º páreo, Onegin deu o troco e tirou a invencibilidade de Ed American, cravando 81.9 para os 1.300 metros do páreo em que a comissão de corridas foi homenageada. No 7º páreo o castanho Tettore que vem garantido preciosos pontinhos nas estatísticas para o Stud Remar, não deu susto e faturou a sua sexta vitória consecutiva após o seu retorno do hipódromo da Gávea.
No páreo de encerramento para animais da raça pônei, teve uma chegada bem disoputada com Stilo por dentro e Princesa por fora. O resultado só foi confirmado após a comissão de corridas analizar o filme e da a vitória para a estreante Princesa, que teve a condução de Ariosvaldo Nascimento que conquistou a sua primeira vitória nas corridas de pônei. Alguns treinadores que gostam de observar as corridas de pônei, opôs o páreo disseram que gostaram muito da postura do vencedor durante todo o percurso. Buchecha, como é chamado leos seus colegas estreiou no dia 01 dezembro no Bentinho montando o pônei Fome Zero chegando na terceira colocação.
No transcorrer da programação, os sócios do jockey  elegeram o titular do stud São José dos Bastiões Paulo Paiva presidente, para comandar o Jockey club de Pernambuco no biênio 2013/2014.
Por fora, Princesa domina Estilo e Buxhecha fatura a sua
primeira vitória nas corridas de pônei.
Resultados.
1º páreo 2000 metros Prêmio Proprietários de Cavalos de Corridas – Taça Stud Asa Branca.

Magistra: F.H.Costa
1º- Magistra                  F.H.Costa 2º Obreiro                   A.Maciel ap-2
3º Burilado                 W.Gomes ap-2
4º Rara Gitana             F.Herbert
5º Hurricane John        J.Lima ap-3
6º Vercingetrorix         L.Costa
7º Então Tá                  S.Paiva
Tempo 139.7s  não correu Eaglion Vision

2º páreo – 1.400 metros Prêmio Funcionários do Jockey Club de Pernambuco – Taça Sandra Barros.

Oreco com M.Silva vence no último galão.
 1º Oreco                 M.Silva
2º Cannoball           W.Gomes ap-2
3º Byting                A.Maciel ap-2
4º Tem Virtude      J.Lima ap-3
5º Phyllipus            L.Costa
6º Gory                   F.Herbert
7º Best Prime         F.H.Costa
8º Laranda              F.Davidson
Tempo 93.3s

3º páreo – 1.300 metros  Prêmio Conselho Deliberativo do Jockey Club de Pernambuco – Taça Paulo Pragana Paiva.

Gambetero com F.Davidson
1º Gambetero                F.Davidson 2º Investiment Grade   F.H.Costa
3º Vivano                      A.Maciel ap-2
4º Caminho do Bem      F.Herbert
5º Don Talk                   W.Gomes ap-2
6º Next Flight               J.Lima ap-3
3- Caminho do Bem      F.Herbert
Tempo 84.2s

4º páreo 1.400 metros  Prêmio Diretoria do Jockey Club de Pernambuco – taça Waldemir Miranda Neto.

Decreto:  Retornando em grande estilo.
1- Decreto                  A.Maciel ap-2 2º Zamulá                   M.Silva
3º Galactic Hiro         W.Gomes ap-2
4º Olympyc Man        F.H.Costa
4- Galactic Hiro         W.Gomes ap-2

5º páreo – 1.100 metros Prêmio Prêmio Diretoria do JCP Taça Fábio Arruda Câmara.

Balfour venceu a primeira na Madalena
1º Balfour                       F.Herbert 2º Shark Boy                  L.Costa
3º Noted                         W.Gomes ap-2    estreante
4ºAmore Thunder         A.Maciel ap-2
5º Afilhado do Sissi       F.Davidson
Tempo 70.s

6º páreo 1.300 metros  Prêmio Comissão de Corridas do JCP Taça Paulo Alves de Oliveira.

Onegin com J.Júlio deu o troco vencendo com muita
autoridade.
1º Onegin                  J.Júlio 2º Ed American        A.Maciel
3º John The Doctor    M.Silva
4º Campus Drive       R.D.Lima

7º páreo 2000 metros  Prêmio Diretoria do JCP. Taça Junior Medeiros

Tettore: a sexta  vitória consecutiva.
1º Tettore                   A.Maciel
2º River Tiete             L.Costa
3º Vespertine             M.Silva
4º Just Alone              F.H.Costa
5º Urso Polar              S.Paiva
* Gattopardo            R.D.Lima

Tempo 135.5s * Gattopardo parou na entrada da reta de chagada.

 8º páreo 2000 mil metros
Grande Prêmio Jockey Club de Pernambuco

Tatamovitich: Voltando a sua melhor forma. deu um
passeio no Grande Prêmio Jockey Club de Pernambuco.
1º Tatamovitch          F.H.Costa 2º Charmant               M.Silva
3º Tank Boy               A.Maciel
4º Quikstep                S.Paiva
5º Morcote                 J.Júlio
6º Idôneo                   F.Herbert

9º páreo – 250 metros. Prêmio Profissional do Turfe – Apoio Tecved.
1º Princesa                  Ariosvaldo Nascimento   
2º Stilo                        Vitor Correia
3º Caribenha               Luiz Henrique
4º Juju do Rei David   Derick Kaiser
5º Thaych                    Victor Silva
6º Amêndoa                Diego Soares                     
7º Único                      Jeová Pereira
8º Íris do Marcon        Wilkler Xavier                   
9º Original                  Anderson Sena
Tempo. 19.9s

A alegria da meninada comemorando a primeira vitória de Buchecha nas
corridas de pônei.


sábado, 15 de dezembro de 2012

PRESIDENTE DO JOCKEY CLUB DE PERNAMBUCO PRESTA CONTA DA SUA GESTÃO, E FALA DA POLEMICA VENDA DO JOCKEY.


Dr. Luiz Roberto:
Poderia ter feito mais.
Descendente de uma das mais tradicionais famílias do turfe pernambucano, o atual presidente do Jockey Club de Pernambuco, Dr. Luiz Roberto Medeiros que encerra o seu mandato no dia 31 de dezembro, concedeu entrevista ao site Raia Leve, e falou sobre a sua gestão, o atual momento do turfe pernambucano, da realização de mais um Grande Prêmio Bento Magalhães, e da polemica negociação sobre a venda do terreno do Jockey que nos últimos dias vem tirando o sono dos turfistas que são contra a saída do clube do Recife para outra cidade.
Dr. Luiz Roberto Medeiros, é médico veterinários, com larga experiência na área de reprodução animal, assumiu os destinos do Jockey Club de Pernambuco no biênio 2011/2012 em um momento onde o jockey enfrentava sérios problemas sendo um deles uma interdição por parte do ministério da agricultura.
No final do seu mandato, o presidente diz esta muito satisfeito e comemorou bastante o sucesso no cumprimento do calendário clássico e  principalmente com o sucesso do 44º Grande Prêmio Bento Magalhães. O presidente também aproveitou o espaço para agradecer a todos os que colaboraram com o turfe pernambucano na sua gestão e aos turfistas cearenses que mais uma vez enalteceram as festas pernambucanas com animais de altíssimo nível.

Entrevista.

RL – Qual o balanço que o Sr. Faz de sua gestão?
LR. – Chego ao final do meu mandato, com uma sensação de que poderia ter feito mais. Estou muito satisfeito e até realizado, mas com certeza faltaram algumas coisas. Melhorar a receita fixa da entidade, modernizar equipamentos, trocar o trator que tinha mais de 20 anos de serviços no clube, re-urbanizar e trocar a fachada principal da entrada, substituir o sistema de climatização da tribuna de honra, colocação de grades de ferro no padoque, melhorando a visualização e o contato publico-cavalo, criação do mais democrático sistema de integração entre a CC e os Proprietários, através do Colegiado, disciplinamento de transito de veículos na Vila Hipica, etc., redução das retiradas das comissões dos arremates, extinção de lance obrigatório em páreos com sete ou mais animais, rigorosa saúde financeira, com todos os compromissos pagos aos proprietários, profissionais, fornecedores, funcionários e impostos, são metas e realizações alcançadas.
Entretanto, apesar do esforço desprendido, faltou à iluminação (que um dia virá e trará muita “luz” para o nosso querido Hipódromo) alem de um novo fotochart, reforma da cerca e isolamento da área invadida na vizinhança da Vila Hipica.

RLComo o Sr. Encontrou o jockey e como esta deixando em relação ao caixa ?
LR – Recebi das mãos de meu antecessor Paulo Pereira, uma entidade financeiramente enxuta e com saldo de caixa para sua manutenção. Passo ao meu sucessor Paulo Paiva, nas mesmas condições, havendo melhorado o resultado receita fixa versus despesa fixa.

RL – Ser presidente do Jockey é uma tarefa difícil e o seu pai o saudoso Dr. Manuel Medeiros nunca quis ser mesmo tendo o seu nome muitas vezes cogitado para presidir o jockey. Porque o Sr. Quis ser presidente do Jockey ?

LR- Tudo que sou e tenho, devo ao meu querido Pai. Não represento para o Jockey nem para ninguém quase nada comparado a ele. É verdade que ele nunca pensou em ser Presidente, por mais que amasse o JCPE. Dizia que o “Prado era para fazer amizades. Ser Presidente significava fazer inimizades”. Mas, previ que os tempos haviam mudado. O JCPE hoje é administrável. Herdei dele o amor pela nossa Madalena. Fora a família e o meu trabalho é a coisa que mais gosto na vida e ali tenho vivido emoções e alegrias indescritíveis. Achei que isto merecia um reconhecimento e um “pagamento”. O “pagamento” foi aceitar ser Presidente do Clube. Toda minha família me apoiou e estou feliz. Junior dividiu todo o trabalho comigo. Não fiz nenhuma inimizade.

RL – O Sr. Não queria concorrer a reeleição, mas depois lançou o seu nome, mas agora vai apóia o nome de Paulo Paiva. Qual o motivo da desistência?
LR- Não considero que houve desistência de minha parte. Meu candidato era o Carlinhos Baltar, que por motivos particulares desistiu em Novembro. Naquele momento criou-se certa turbulência no Clube e afirmei que seria candidato caso surgi-se uma candidatura que eu considerasse nociva ao clube. Surgiu então a candidatura de Paulo Paiva e imediatamente passei a apoiá-lo. Vejo com Paulo uma excelente oportunidade de nosso turfe continuar crescendo. Mais do que comigo. Paulo é um homem de bem, gosta do JCPE e é bom administrador.

RLDurante esses dois anos a frente do jockey, o Sr. Ganhou  ou perdeu  amigos ?
LR- Graças a Deus ganhei amigos. Já tinha muitos. Sou agradecido a todos. Não vou falar dos que já tinha, mas não posso deixar de citar os que ganhei. Passei a conviver, aprender e admirar Fabio Camara, um lutador competente do prado pernambucano; Paulo Alves, presidente da Comissão de Corridas durante os 2 anos de mandato. Unanimidade. Leo Moreira, Carlinhos Baltar, Romero Pontual, me deram apoio total. Em nenhum momento que pedi ajuda e socorro a eles, fui desapontado. Torno a dizer que não vou citar todos, pois os demais já eram meus amigos, antes.

RL- O Sr. Teve mais decepção ou alegrias ?
LR- Muito mais alegrias. A cada passo, fomos quebrando recordes. Fizemos em 2011 os  Edisio e Bento com o maior MGA da historia. Em 2012 suplantamos os números do ano passado em mais de 25%.
As decepções são pequenas e ficam por conta de uma meia dúzia de inconformados que preferem denegrir a imagem de quem está trabalhando, fofocando nas esquinas da Vila Hipica. Fazem questão de terem seus nomes no Conselho Deliberativo, até da Diretoria. Mas não colaboram em nada. Não vão sequer numa Reunião. Só criticam. Tenho pena deles.

RLUm assunto que mexeu com os bastidores do turfe pernambucano nas vésperas do grande prêmio Edsio Pereira foi à venda do jockey para um grupo de empresas. O senhor tinha conhecimento e participou das negociações?
LR- De forma nenhuma tinha conhecimento nem participei de nenhum tipo de negociação. No dia do GP Marco Cortez, fui chamado pelo Silvio Botelho para uma reunião no Escritório de Advocacia de Fred Guimarães no dia seguinte. Ali, juntamente com Carlinhos Baltar (naquele momento futuro Presidente do JCPE), fui apresentado pelo próprio Silvinho de um projeto de um Novo Jockey, com fotos, folders, etc. Na conversa com Fred Guimarães me foi explicado que esta tentativa de negociação (uma permuta de nossa área por um Novo Hipódromo em área mais afastada) já vem sendo tratada há anos e um grupo empresarialmente muito forte estava interessado.
Fui a uma segunda reunião, com os representantes desse Grupo na companhia de Carlinhos, Silvinho e Junior e ouvi a ratificação do que havia sido dito na semana anterior.
Desde o primeiro momento (dia seguinte do GP Marco Cortez) comuniquei o fato ao Presidente e Vice do Conselho e aos Diretores que me acompanham no dia-a-dia.

RL – O Sr. É contra ou a favor da venda do terreno do jockey?
LR- Na qualidade de Presidente tenho que ouvir todas as propostas. Considero salutar negociar com um Grupo de Empresários da estirpe dos que estão interessados na negociação.
Pessoalmente, prefiro manter nosso pradinho onde está.

RL- O que o Sr. Acha da inauguração do novo Jockey Club do Ceará, em um momento que o turfe não vai bem em todo o Brasil?
LR – Um marco histórico, compatível com a raça dos turfistas cearenses. Tem todo meu apoio

RL- O que o Sr. Gostaria de dizer para os turfistas que lhe apoiaram e para os que não lhe apoiaram durante esses dois anos?
LR- Que trabalhei com amor ao JCPE e sem nenhuma vantagem pessoal. Aos que não gostaram, desejo e espero que façam alguma coisa pelo turfe pernambucano.

RL- O que o Sr. Não fez,mas gostaria que o próximo presidente fizesse pelo jockey.
LR – luz, cerca e isolamento da Vila Hipica (destrinchem ai)

 

 

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

GLOBO ESPORTE MOSTRA QUEDA DO JÓQUEI MIRM EMERSON ANDERSON NO BENTINHO.

Foi azar do jóquei Emerson Anderson que montou o pônei Estylus? Ou foi sorte do jóquei de Chankar Diego Soares, que de última hora substituiu Roberto Lima, na disputa do primeiro Bentinho, disputado na semana máxima do turfe pernambucano? Essa é a pergunta que muitos ainda fazem nos bastidores do turfe pernambucano, após a queda do jóquei apouco menos de dois metros do vencedor. Do inacreditável futebol clube, para o inacreditável jockey club.
A TV Globo Nordeste, gravou uma matéria ontem (13/12/12), e foi exibida hoje dia 14/12/12, no Globo Esporte local e em algumas emissoras de outros estados. Em minas Gerais onde fica localizada a sede da Associação brasileira dos criadores de cavalos da raça pônei, o presidente da associação Fabrício Borges assistiu a reportagem e prometeu marcar uma visita ao Jockey Club de Pernambuco para conhecer mais de perto o projeto Jóqueis do Futuro. É uma grande iniciativa que engrandece ainda mais a raça pônei dando mais uma aptidão aos animais, e abre mais uma opção de lazer para o turfe. Esse exemplo deveria ser seguido por hipódromos de outros estados do Brasil. Disse o presidente por telefone. A matéria exibida no Globo esporte, teve a assinatura do reporte Roger Casé e do cinegrafista Jota Junior.
Confira a materia.
http://globoesporte.globo.com/pe/videos/t/edicoes/v/joquei-mirim-e-derrubado-a-poucos-metros-da-linha-de-chegada/2294680/

STUD REMAR, W.MACIEL, ALAN MACIEL E TETTORE, LIDERAM AS ESTATÍTICAS DO TURFE PERNAMBUCANO.

Um fato curioso vem acontecendo na disputa da atual estatística do turfe pernambucano. Na mesma temporada, jóquei, treinador, proprietário e animal da mesma equipe vêm liderando, com folga, nas quatro categorias. Entre os jóqueis, o líder é o aprendiz revelação da temporada, Alan Maciel, com sete pontos de vantagem para o segundo colocado. Na categoria de treinador, W. Maciel (pai de Alan e responsável pelos corredores do Stud Remar e do Stud F & C) é o líder com 13 pontos, três de vantagem para o segundo lugar. Com as cinco vitórias consecutivas de Tettore - após o retorno do Hipódromo da Gávea -, o Stud Remar também lidera as estatísticas com dez vitórias, quatro à frente do segundo colocado.

Estatísticas de jóqueis 
1º A.Maciel      - 17  vitórias
2º M.Silva        - 10  vitórias
3º J.Julio          - 08  vitórias
4º F.H.Costa    - 06  vitórias
5º Z.M.Rosa  e W.Gomes   -05  vitórias

A.Maciel: A grande revelação da temporada

Estatísticas de treinador
1º W.Maciel        - 13  vitórias
2º P.Nascimento  -10   vitórias
3º M.L.Maciel      -09   vitórias
4º I.Ferreira          -07   vitórias
5º F.A.Viana        -06   vitórias
6º L.Texeira         - 05   vitórias
W.Maciel : O resultado de muito tranalho
e competência.
Estatística de proprietários 
1º Stud Remar                        -10 vitórias
2º Stud Sampaio & Parente    -06 vitórias
3º Stud L&M                          -05 vitórias
“ Stud Savigor                      
“Stud Ganny
“Stud Silver Blue Star
Tettore vem fzendo a alegria do Stud Remar.
Estatísticas de Animais
1º Tettore                 -05 vitórias
2ºIlmar, John The Doctor, Ed American, Elemento Surpresa -03 vitórias cada.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

ESTREANTES PARA A PRÓXIMA REINIÃO. 16.12. 2012.

Dos quatro animais que vão estrear na programação da 11ª corrida, apenas um é psi, Noted, os demais são da raça pônei.

NOTED – macho castanho, SP, 08/08/2006, por Vacilador e Darling Thelma, criação do Haras Free Wey, propriedade do Stud Xeque Mate, treinador R.Gomes.

Campanha.
54 Apresentações, 37 Gávea, 15 Cidade Jardim, 2 Lagoinha.
9 Vitórias, 7 Gávea, 2 Cidade Jardim.
29 Colocações, 20 Gávea, 7 Cidade Jardim, 2 Lagoinha.
Vitórias.
01 CLAIMING JORNAL BRASIL TURFE, Gávea, 23/07/2010, 1200, AMR
01 PREMIO CAPITANEA, Gávea, 08/08/2010, 1100, AP
01 PREMIO I PAREO DE AMADORES - JOSE RAMOS DE ALENCAR, Gávea, 30/10/2011,      1300, AP
01 PREMIO RHEINHOLD, Gávea, 09/12/2011, 1200, AB
01 PREMIO DIESE, Gávea, 16/04/2012, 1300, AP
01 PREMIO MUSIC OF LOVE - 2003, Gávea, 06/07/2012, 1300, AB
01 PREMIO TATAN - 1956, Gávea, 20/07/2012, 1300, AP
01 CLAIMING NOSER, Cidade Jardim, 31/07/2009, 1100, AP
01 CLAIMING PREMIO VERDE AMÉRICA, Cidade Jardim, 19/04/2010, 1000, GF


Noted é do Stud Xeque Mate
Dos animais da raça pônei vão estrear:

AMENDOA - fêmea castanha, 4 anos , PB, por Místico e Luna, propriedade do haras Estação, treinamento de F.Mendonça.

PRINCESA – fêmea alazã, 3 anos, RGN, por Lord e Isis do Marcom, propriedade de Gabriel Silva, treinador Gabriel.

TACHY – macho tordilho, 5 anos RGN, por Intruso e Bilara OM. Propriedade do Haras Moura  treinador J.Junior.


quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

NOVO JOCKEY DO CEARÁ TEM DATA DE INAUGURAÇÃO CANCELADA.

Cearenses querem uma das melhores
pistas do Brasil.
A inauguração do novo Jockey Club do Ceará marcada para o dia 19 de janeiro de 2013 foi cancelada. Segundo informou Paulo Karam, que faz parte da direção do novo Jockey, a decisão foi tomada por conta dos casos do mormo detectados na região e de alguns equipamentos e instalações que não iriam ficar prontos até dia marcado para inauguração. A nova data prevista para inauguração esta entre 6 e 13 de abril de 2013, data  que será confirmada com antecedência  pela direção, mas no mês de janeiro terá corrida de animais da raça Quarto de Milha.
Para a festa de inauguração em abril, Paulo Karam, disse que vai esta tudo em ordem. Box, serviço de som, acomodações e a raia que segundo ele será uma das melhores do Brasil. A direção espera contar com uma grande participação dos turfistas pernambucanos e seus animais. Paulo karam também falou que vai insistir na  proposta a direção para viabilizar a ida dos animais da raça pônei e os jóqueis mirins do Recife,  o que seria mais uma grande  atração para chamar a atenção das crianças e os  pais.

Vamos nos preparar para fazer uma grande festa dando o máximo de conforto para as delegações visitantes. Queremos deixar marcada a volta do Jockey Club do Ceará, no cenário do turfe nacional. Conclui.

 

QUICKSTEP TERÁ A CONDUÇÃO DE S.PAIVA NO GRANDE PRÊMIO JOCKEY CLUB DE PERNAMBUCO.



S.Paiva no dorso de Quickstep.

O jóquei pernambucano Sandro Paiva, de 23 anos, será uma das atrações da programação do próximo domingo no Jockey Club de Pernambuco. No principal páreo da programação - GP Jockey Club de Pernambuco -, S. Paiva estará no dorso do castanho Quickstep, do Stud Barba Nos Pés, que é uma das forças do páreo após excelente participação no Clássico José Maria Sampaio.

A última vez que Paiva esteve em Recife foi em 2010, trazido pelo Stud São José dos Bastiões para montar o alazão Jujuy no GP Bento Magalhães. Em 2011, S. Paiva fez uma temporada em Dubai, na equipe do Stud Estrela Energia um dos maiores studs do turfe brasileiro.
Além de Quickstep, S. Paiva também vai estar no dorso de Então Ta (2º páreo) e de Urso Polar (7º páreo).

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

JOCKEY CLUB COM BOA PROGRAMÇÃO E ELEIÇÃO NO DOMINGO.


Paulo Paiva volta adirigir os
detinos do JCP.

Aproveitando os animais do turfe cearense que participaram dos festejos dos grandes prêmios Edisio Pereira e Bento Magalhães não retornaram para o Ceará, a comissão de corrida do Jockey Club de Pernambuco elaborou uma excelente programação para o a última reunião turfística do ano de 2012, encerrando o mandato de dois anos do Dr. Luiz Roberto Medeiros. Boas atrações estão reservadas para os turfistas pernambucano na jornada de nove carreiras sendo uma delas a última, reservada os animais da raça pônei na distância de 200 metros, que conta com nove inscrições sendo quatro estreantes. Amêndoa, Princesa, Liris do Marcon e Tachy. Já entre os PSI, a programação com páreos cheios conta com vários atrativos. O retorno de Decreto do Stud Remar, a estreia de Noted do Stud Xeque Mate, Ed American do Stud Magi que vai tentar se manter invicto na Madalena, e o grande prêmio Jockey Club de Pernambuco que vai reunir cinco competidores que correram o Bentão 2012, e  mais Quickstep que de um passeio no clássico José Maria Sampaio. A programação terá inicio as 13h10min e durante a programação, os sócios do JCP vão eleger a nova diretoria para o biênio 2013/2014, sendo a chapa União pelo Jockey com Paulo Paiva  titular do Stud São José dos Bastiões,  presidente, Rinaldo Rego Barros Haras Cariri, vice e Marco Cortez Stud Cortez PE,  no conselho deliberativo foi a única registrada para concorrer o pleito
Programação da 11º corrida, domingo 16 de dezembro de 2012.

1º páreo 2000 metros 13:10 horas. Prêmio Proprietários de Cavalos de Corridas – Taça Stud Asa Branca.
1- Burilado                 W.Gomes ap-2
2- Obreiro                   A.Maciel ap-2
3- Magistra                  F.H.Costa
4-Eaglion Vision         M.Silva
5- Rara Gitana             F.Herbert
6- Hurricane John        J.Lima ap-3
7- Vercingetrorix         L.Costa
8- Então Tá                  S.Paiva

2º páreo – 1.400 metros 13:50 horas Prêmio Funcionários do Jockey Club de Pernambuco – Taça Sandra Barros      
1- Tem Virtude      J.Lima ap-3
2- Best Prime         F.H.Costa
3- Laranda              F.Davidson
4- Gory                   F.Herbert
5- Oreco                 M.Silva
6- Phyllipus            L.Costa
7- Cannoball           W.Gomes ap-2

3º páreo – 1.300 metros 14:20 horas – Prêmio Conselho Deliberativo do Jockey Club de Pernambuco – Taça Paulo Pragana Paiva.
1- Investiment Grade   F.H.Costa
2- Next Flight               J.Lima ap-3
3- Caminho do Bem      F.Herbert
4- Gambetero                F.Davidson
5- Vivano                      A.Maciel ap-2
6- Don Talk                   W.Gomes ap-2

4º páreo 1.400 metros 14:50 horas Prêmio Diretoria do Jockey Club de Pernambuco – taça Waldemir Miranda Neto.
1- Decreto                  A.Maciel ap-2
2- Olympyc Man        F.H.Costa
3- Zamulá                   M.Silva
4- Galactic Hiro         W.Gomes ap-2

5º páreo – 1.100 metros 15:25 horas  Prêmio Prêmio Diretoria do JCP Taça Fábio Arruda Câmara.
1- Amore Thunder         A.Maciel ap-2
2- Shark Boy                  L.Costa
3- Afilhado do Sissi       F.Davidson
4- Noted                         W.Gomes ap-2    estreante
5- Balfour                       F.Herbert

6º páreo 1.300 metros 15:50 horas. Prêmio Comissão de Corridas do JCP Taça Paulo Alves de Oliveira.
1- Onegin                  J.Júlio
2- Ed American        A.Maciel
3- Campus Drive       R.D.Lima
4- John The Doctor    M.Silva

7º páreo 2000 metros 16:20 horas  Prêmio Diretoria do JCP. Taça Junior Medeiros
1- Gattopardo            R.D.Lima
2- Tettore                   A.Maciel
3- Vespertine             M.Silva
4- River Tiete             L.Costa
5- Just Alone              F.H.Costa
6- Urso Polar              S.Paiva

8º páreo 2000 mil metros 17:00 horas
Grande Prêmio Jockey Club de Pernambuco
1- Tatamovitch          F.H.Costa
2- Morcote                 J.Júlio
3- Tank Boy               A.Maciel
4- Idôneo                   F.Herbert
5- Quikstep                S.Paiva
6- Charmant               M.Silva

9º páreo – 250 metros 17:10 horas. Prêmio Profissional do Turfe – Apoio Tecved.
1- Stilo                        Vitor Correia
2- Original                  Anderson Sena
3- Caribenho               Luiz Henrique
4- Amêndoa                Diego Soares                      Estreante
5- Princesa                  Ariosvaldo Nascimento      Estreante
6- Íris do Marcon        Wilkler Xavier                   Estreante
7- Thaych                    Jeová Pereira   Estreante
8- Único                      Jeová Pereira
9- Juju do Rei David   Derick Kaiser

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

NOS BASTIDORES DO TURFE PERNAMBUCANO.

A próxima reunião turfística do Jockey Club de Pernambuco - marcada para o dia 16 de dezembro – já acontecerá em clima de eleição. Para dirigir os destinos do Jockey, no biênio 2013/2015, deverá ser eleita à chapa União pelo Jockey, que tem Paulo Paiva como presidente, Rinaldo Rego Barros como vice e Marco Cortez como presidente do Conselho Deliberativo. A eleição acontecerá paralela às corridas da 11ª reunião.

- Terminada a programação festiva do 44º GP Bento Magalhães, alguns animais do turfe cearense que deveriam deixar de imediato a Madalena só retornarão a Fortaleza no dia 18 de dezembro. Alguns animais do Stud Magi serão inscritos na programação da 11º corrida.

- O treinador Paulo Nascimento informou que os animais do Stud Sampaio & Parente - Jobi, Valdovino, Caro Bebeto e o campeão do Bentão 2012, Super Purse - deverão ser embarcados, na próxima semana, para Cidade Jardim. Ficarão no Recife: Abmael e Freedom Forever. O Stud Savigor deve mandar para Cidade Jardim Vuoli Soldi, que deve ser inscrito no GP Piratininga.

- Outro que deverá pegar o caminho de Cidade Jardim é Gambetero do Haras Bongy. O filho de Torrential não se deu bem no areão da Madalena.

- Com duas vitórias na Madalena, continua à venda Takará Mono. Segundo José Hilton Arruda, o preço é o mesmo pedido quando de sua chegada a Recife.

- O jóquei M. Silva foi o grande destaque do festival do Bentão 2012. Marcinho venceu os três páreos que montou no sábado e, no domingo, venceu o GP Pedro Allain Teixeira, com John The Doctor. Z. M. Rosa e o aprendiz Alan Maciel venceram três páreos, cada, e Anderson Paiva levou para a foto os dois animais do Stud F&C, Buriolado e Phyllipus.

- Entre os treinadores, Paulo Nascimento e W. Maciel foram os que mais venceram na programação. Paulinho levou para a foto da vitória os animais Jobi, Caro Bebeto e Super Purse, enquanto W. Maciel vencia com Burilado, Pyllipus e Tettore.

- O Stud Sampaio & Parente liderou entre os proprietários, com três triunfos. O stud F&C venceu dois páreos e os Stud Asa Branca, Recuperação, L&M, Barba Nos Pés, Savigor, Remar e São Nicolau e José Hilton de Arruda venceram os demais.

- Depois que retornou de fraca campanha na Gávea, o castanho Tettore conquistou a quinta vitória consecutiva (com vaga para mais). Macio e João Vitor Medeiros não param de comemorar os feitos do filho de Redattore, que vem fazendo a alegria do Stud Remar e do fotógrafo oficial do Jockey, Fernando Carvalho.

- O presidente do Jockey Club de Pernambuco, Luiz Roberto Medeiros, divulgou, com muita alegria, os resultados financeiro e social do festival do 44º GP Bento Magalhães. Segundo o presidente, na área social o movimento superou todas as expectativas, com grande procura pelos camarotes, e os sócios saíram satisfeitos com o bufê servido na tarde do domingo. Em relação ao movimento financeiro, o presidente disse que foi 25% maior do que o movimento de 2011, que por sua vez tinha batido em 20% o movimento de 2010. Na reunião do Bentão 2012, o movimento financeiro foi de R$ 170.000,00.

- A direção do projeto “Jóqueis do Futuro” comunica que, a partir da segunda quinzena de janeiro, alem da autorização dos pais (registrada em cartório), será feita uma matricula de todos os alunos e participantes das corridas de pônei. No ato da matricula será exigida, também, a cópia da matricula escolar. Será exigido o boletim para acompanhamento da frequência escolar, a cada três meses. Caso o aluno não tenha bom desempenho na escola, será afastado do projeto, só tendo direito ao retorno com a melhora comprovada pela escola.

- A Comissão de Corridas suspendeu o jóquei J. Júlio em 30 dias. Júlio foi enquadrado no artigo 139 do CNC, referente à disputa do 3º páreo do sábado, dia 1º de dezembro. Júlio também foi multado em R$ 10,00 por reclamação inverídica (Onegin), também no sábado. Por ter feito o cânter destribado (Yes Runner e Hurricane John), Júlio foi apenado em mais R$ 10,00.
- Também foram multados por cânter destribado - em R$ 5,00, cada, os jóqueis M. Silva (Belíssima Lá Rubia), F. Herbert (Tora Tora Tora), F. Davidson (Laranda) e W. Gomes (Ferruci Mio).

- Z. M. Rosa (Jobi) e A. L. Silva (Speed War) foram multados em R$ 50,00, cada, por desvio de linha na reta de chegada. Pelo mesmo motivo, foram multados em R$ 10,00, cada, A. Queiroz (Ed American), N. Cunha (Freedom Forever), M. Oliveira (Magistral) e A. Paiva (Phyllipus). M. Oliveira foi multado em R$ 30,00, por excesso de peso.

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

VENCEDORES DO BENTINHO E DO BENTÃO RECEBEM KITIS DE PREMIAÇÃO.

Com um café da manhã realizado na terça-feira (04/12), nas cocheiras do Stud Silver Blue Star, gentilmente cedida por Waldemir Miranda, a Ventinil fez a entrega dos kitis aos vencedores do Bentinho, páreo  reservado para  animais da raça pônei que teve a vitória de Chankar,  e do vencedor do Bentão,  ganho por Super Purse.  Os kitis foram entregues aos treinadores e proprietários dos referidos animais pelo Dr. Juscelino Ribeiro que prometeu olhar com mais atenção para as corridas de pôneis.  A ideia de entregar os prêmios com um café da manhã partiu da direção do projeto Jóqueis do Futuro que contou com a colaboração de alguns proprietários de PSI. O encontro matinal contou com presença de jóqueis, treinadores e cavalariços  do turfe pernambucano e do Ceará. 

Dr. Juscelino Ribeiro faz a entrega dos kitis Ventinil. Na foto
da esquerda para direita: R.Lima (Gordo) Treinador de Chankar,
Paulinho Nascimento, treinador de Super Purse. Dr. Juscelino
Ribeiro, Jaime Moura, Sheila Sampaio e Jaime Junior.





NOVO JOCKEY CLUB DE FORTALEZA PODE TER A INAUGURAÇÃO ADIADA.

A data de inauguração do Jockey Club de Fortaleza, marcada inicialmente para o dia 19 de janeiro de 2013, poderá ser adiada, mas não pelos trabalhos da construção, mas  por conta de vários casos de mormo que foram identificado na região. No último final de semana na festa do Bentão 2012, os cearenses  demonstravam preocupações com a possibilidade do adiamento e com a possível ausência dos animais do turfe pernambucano nessa grande festa. O titular do Stud Cortez-PE, Marco Cortez, disse que vai aguardar uma posição das autoridades da defesa sanitária do Ceará, para decidir se os seus animais irão ou não participar da inauguração do novo jockey, já que existe a possibilidade dos animais de Pernambuco ficarem retidos no Ceará.  Ainda essa semana, os responsáveis pelo novo jockey, irão se reunir na secretaria de agricultura do Ceará para tomar uma posição sobre o adiamento ou não da inauguração do novo Jockey.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

SUPER PURSE É O CAMPEÃO DO BENTÃO 2012.

O castanho Super Purse, do Stud Sampaio &Parente, repetiu a façanha do GP Edisio Pereira e levantou, com muita categoria, a 44ª edição do GP Bento Magalhães, prova máxima do turfe pernambucano.
Depois de um rápido trabalho de alinhamento, Morcote foi para a ponta, seguido de perto por Vulcano Danz, Idoneo e Tatamovitch. Na primeira passagem pelo disco, Super Purse veio por fora e tomou a dianteira. Na reta oposta, o jóquei Zeferino Moura Rosa, usando de toda a sua experiência foi para a raia de fora e fez uma diagonal. Na saída da reta oposta, Morcote foi para frente, com Vulcano Danz - mais uma vez fazendo corrida para o companheiro de cocheira em segundo. No giro para reta final, Super Purse começou a procurar espaço e dominou os ponteiros. Nos 300 metros finais, Super Purse já trazia a corrida dominada, quando Vuoli Soldi, Charmant, Morcote e Tank Boy começavam a avançar. Nos 200 finais, a briga ficou restrita a Super Purse e Vuoli Soldi, repetindo a chegada do GP Edisio Pereira. Super Purse marcou 164s7 para os 2.400 metros.
Durante a premiação, na entrevista com a imprensa, o vitorioso jóquei Z. M. Rosa explicou que preferiu fazer as diagonais porque a pista estava favorecendo os que corriam por fora. Rosa também fez questão de agradecer aos titulares do Stud Sampaio & Parente e a receptividade na capital pernambucana.
“Vamos fazer o possível para voltar no próximo ano. Valeu, Recife”, concluiu o jóquei. Com a vitória de Super Purse, O turfe cearense quebrou um jejum de nove anos sem vencer o Bento Magalhães.

Super Purse. A máquina do Stud Sampaio & Parente
brilha mais uma vez na raia pernambucana.
 No fotochart, Ed American vence o Clássico Cláudio Santa Cruz.

Chegada de tirar o fôlego no clássico Jornalista
Cláudio Santa Cruz. Ed American co A.Queiroz e Freedon
Forever com N.Cunha.
Uma reta final empolgante e um espetáculo à parte entre dois extraordinários jóqueis levaram o público ao delírio. A. Queiroz, no dorso de Ed American, levou a melhor sobre N. Cunha, que conduziu o castanho Freedom Forever, em páreo decidido no fotochart. Dada a partida, Vupt Vapt e Balfor saíram brigando pela ponta. Ed American vinha em terceiro e Freedom Forever em quarto, com Bombardeiro e Campus Drive a seguir.
Na seta dos 600 metros finais, Balfor chegou a folgar na ponta, mas logo depois foi ultrapassado por Ed American, Freedom Forever e Bombardeiro. Nos 200 metros finais, Freedom Forever (por dentro) e Ed American travaram um sensacional duelo até o espelho, com vantagem para Ed American no fotochart. Jaime Lemos é o treinador de Ed American, que continua invicto na pista pernambucana. O tempo para os 1.300 metros foi de 82s5.

John the Doctor, o grande vencedor da milha do festival do Bentão.

John The Doctor é recebido com festa pelos titulares do
Stud São Nicolau.
Correndo acomodado na quarta posição, o alazão John the Doctor foi o grande vencedor do GP Pedro Allain Teixeira, a tradicional milha do festival do GP Bento Magalhães. Urso Polar, Bob Sponge e Roberto Alberto brigaram pela ponta até a saída da reta final, onde Bob Sponge dava sinais de cansaço e abandonava a briga. Nos 600 metros finais, a disputa ficou entre John the Doctor, Urso Polar e Roberto Alberto. Nos 400 finais, John the Doctor, pela linha oito, assegurou a vitória, amparando o ataque de Roberto Alberto e de Urso Polar, que voltou por dentro e garantiu a formação da dupla. John the Doctor foi adquirido pelo Stud São Nicolau logo após a realização do GP Edisio Pereira. M. Ferreira foi o responsável pelo preparo e M. Silva deu direção precisa ao filho de Gilded Time.
Resultados  Domingo.

1º páreo 1.100 metros  Prêmio Site Planeta Turfe – Taça Profissionais do Turfe.
1º- Phyllipos                A.Paiva
2- Magistral                M.Oliveira
3º- Cannoball               W.Gomes ap-2
4º- Hurricane John       J.Júlio
5- Byting                     A.Maciel ap-2
3- Laranda                   F.Davidson
Tempo 71.s

A.Paiva: Condução impecável no dorso do alazão
Fhyllipus.
2º páreo 1.300 metros Prêmio Delegações Cearense.
1º- Speed War            A.L.Silva
2º- December Rain    J.Júlio
3º- Obrero                  A.Maciel ap-2
4º- Oreco                    M.Silva
5º- Don Talk              W.Gomes ap-2
6º- Eaglion Vision     F.H.Costa
2- Quanto Mais         M.Oliveira
Tempo 84.5s
3º páreo  1.800 metros Prêmio Dr. Antônio Guarany Mont’ Alverni
 (apoio Stud Asa Branca)

Márcio Medeiros(Stud Remar),  recebe das mãos de  Guarany,
a taça e o livro em homnajem ao centenário do
Dr. Antônio Guarany Mont" Alverni
1º- Tettore                      A.Maciel ap-2
2º- Ferruccio Mio           W.Gomes ap-2
3º- Gattopardo                M.Silva
4º- Galactic Hero           N.Cunha
5º- River Tiete                A.Queiroz
6º- Ferreiros                    M.Oliveira
7º- Céu da Guanabara     J.Lima ap-3
Tempo 121.s
4º páreo 1.200 metros  Prêmio Renato Frota Parente
1º- Caro Bebeto            Z.M.Rosa
2º- Rey Army                N.Cunha     
3º- Olympic Tiger         A.Queiroz
4º- Afilhado do Sissi     A.Maciel
5º- Senhor Kirov           J.Júlio
6º Sathchmo                  F.H.Costa
7º- Shark Boy                A.L.Silva
Tempo 74.s
5º páreo 1.700 metros
Grande Prêmio: PEDRO ALLAIN TEIXEIRA.
1º- John The Doctor     M.Silva
2º- Urso Polar               A.Mesquita
3º- Roberto Alberto      A.Queiroz
4º- Zamulá                    N.Cunha
5º- Bob Sponge            A.Paiva
Tempo 113.4s

6º páreo 1.300 metros.
Clássico: CLAUDIO SANTA CRUZ

Dr. Giovani Magi comandou a festa na vitória de Ed American
que continua invicto no turfe norestino.
1º- Ed American         A.Queiroz
2º- Freedon Forever    N.Cunha
3º- Campus Drive        M. Silva
4º- Bombardeiro          A.Mesquita
5º- Balfour                   F.Herbert
6º- Vupt Vapt              J.Júlio
Tempo 82.5s

7º páreo – 2.400 metros
44º GRANDE PRÊMIO BENTO MAGALHÃES.


Z.M.Rosa e os titulares do Stud Sampaio & Parente
comemorando em grade estilo a vitória do valente
Super Purse no Bentão 2012.
1º- Super Purse                Z.M.Rosa
2º- Vuoli Soldi                 A.L.Silva
3º- Tank Boy                   A.Maciel
4º- Tatamovitch               M.Oliveira
5º- Charmant                    M.Silva
6º- Morcote                     A.Paiva
7º- Vulcano Danz            N.Cunha
8º- Outro Corredor          A.Mesquita
9º- Selo Voador               J.Júlio
10º  -Idoneo                      A.Queiroz
Tempo 164.s.